Associe-se!
SIMECS Com Você 07/07/2020

Guia SIMECS de Sobrevivência à COVID-19: Crédito

Guia de Sobrevivência à COVID-19

Seguindo o nosso objetivo de manter a competitividade de nossos associados, elaboramos um guia com as principais informações e oportunidades que sua empresa pode utilizar para transformar esse momento de crise em oportunidade, ação que integra o programa SIMECS Com você.

Nesse guia, você encontra auxílio e informações referentes a CRÉDITO.

REPACTUAÇÃO DE DÍVIDAS

Bancos Comerciais:

O Banco do Brasil, Bradesco, Caixa, Itaú-Unibanco, Santander e Banrisul anunciaram uma pausa de 60 dias nos financiamentos já contratados, desde que as empresas estejam adimplentes, ou seja, as empresas poderão refinanciar os empréstimos e terão 60 dias para começar a pagar novamente. Alguns bancos anunciaram nova flexibilização nos prazos podendo chegar até 180 dias.

Como solicitar: As empresas devem solicitar pelos canais digitais de cada banco ou diretamente com os gerentes.

BNDES

O BNDES anunciou a suspensão de 6 meses, inclusive no Cartão BNDES, mantendo as condições financeiras como prazo e taxa de juros do contrato original, desde que as empresas estejam adimplentes e que a última parcela dos contratos de financiamento não terminem entre abril e setembro deste ano.

Além disso, as operações de comércio exterior, BNDES PSI e os Programas: Pronaf, Pronamp, Moderfrota, Moderinfra, Moderagro, ABC, Inovagro, Prodecoop, PCA e Procap-agro não são elegíveis para suspensão dos pagamentos.

Como solicitar: As empresas devem entrar em contato com o agente financeiro que realizou a operação e solicitar a pausa. Aquelas que fizeram o financiamento direto com o BNDES, devem solicitar pelo site.

FINEP

A Finep anunciou um programa emergencial de renegociação de crédito destinado a empresas que receberam financiamento para o desenvolvimento de projetos de inovação e apresentam dificuldades para honrar os seus compromissos em meio à pandemia do Coronavírus. A medida prevê condições especiais de renegociação e inclui a suspensão temporária, por um período de até seis meses, de pagamento de juros remuneratórios e de principal dos empréstimos contratados na modalidade direta.

Os valores não pagos serão capitalizados e incorporados no saldo devedor. Após o período de até seis meses, a empresa voltará a pagar a dívida, sendo mantido o mesmo prazo de vencimento final (vigência) do contrato. A empresa que tiver o  seu pedido de suspensão aprovado, terá de assinar o termo aditivo até 30 de setembro de 2020.

Poderão participar do programa empresas que se encontravam em situação regular de pagamento com a Finep/MCTIC até 29 de fevereiro de 2020 e que tenham, no mínimo, 6 (seis) meses de contrato remanescentes, a contar da data de 29/02/2020. A data limite de adesão ao programa é 30 de junho de 2020, sendo necessário, para tanto, o envio do Termo de Adesão, devidamente assinado pela financiada e garantidores, ou e Declaração de Anuência dos Garantidores, na hipótese de garantias financeiras.

A suspensão de pagamentos não será possível nos casos de empresas em contencioso judicial, em recuperação judicial ou extrajudicial; ou pertencentes a grupos em igual situação; e contratos de financiamentos relativos ao Programa de Sustentação do Investimento (PSI).

Como solicitar: Os pedidos deverão ser encaminhados para cp_drec@finep.gov.br. No caso de operações indiretas (descentralizadas), via programa Finep Inovacred, a suspensão também será possível, e deverá ser negociada pelo cliente diretamente com os agentes financeiros parceiros da Finep/MCTIC nos estados (no caso do Rio Grande do Sul, os parceiros são Badesul e BRDE).

CAPITAL DE GIRO

Parceria Sicredi

O Sicredi foi a primeira instituição financeira cooperativa do Brasil e busca incentivar desenvolvimento a partir do empreendedorismo coletivo, por essa visão, Sicredi e Simecs firmaram uma parceria de sucesso que vem auxiliando os mais de 3.300 associados a entidade com vantagens exclusivas. Utilizando-se da parceria com a cooperativa, o associado Simecs tem isenção ou valores diferenciados em cestas de relacionamento, pagamentos, cartão de crédito e débito, emissão de boletos e linhas de crédito. Para maiores informações sobre essas vantagens você poderá acessar o site do Simecs.

BNDES

A linha BNDES Crédito Pequenas Empresas, criada em maio de 2019, foi ampliada, oportunizando que até dia 30 de setembro deste ano, as empresas com faturamento anual de até R$ 300 milhões possam solicitar capital de giro. Além disso, disponibilizou no site os bancos que operam a linha e a média das taxas de juros praticadas por estado e ramo de atividade. Para maiores informações acesse o site do BNDES.

O BNDES deliberou que a partir de 14 de abril, o prazo total mínimo será de 12 meses e o máximo de 60 meses.

Antes a linha só previa o prazo máximo que foi mantido.

Outra opção disponível desde as empresas que adquiriram produtos industrializados nos últimos 6 meses, podem solicitar o reembolso por meio da linha BNDES Finame Materiais. Até o momento, sabemos que os bancos Bradesco, Safra e Itaú já realizaram operações.

Como solicitar: Lembrando que essas linhas são operacionalizadas por meio de agentes financeiros credenciados e não diretamente com o BNDES. Ou seja, as empresas precisam solicitar diretamente nos bancos que possuem conta como Pessoa Jurídica.

Proger Urbano Capital de Giro

Reaberta pelo Governo Federal e operada pelo Banco do Brasil e Caixa, para atendimento da demanda por financiamento de capital de giro isolado para empresas com faturamento anual de até R$ 10 milhões, com taxa de juros de 18% a.a. (TLP + spread de até 12%a.a), e até 48 meses, incluídos até 12 meses de carência. Lembrando que a TLP tem correção mensal pela inflação (IPCA-15).

Como solicitar: O Núcleo de Acesso ao Crédito – NAC da FIERGS entrou em contato com os bancos operadores que informaram que a linha não está em operação ainda e não possuem previsão.

•Orientar os funcionários que apresentarem algum tipo de sintoma a procurar o responsável pela área de saúde na empresa.

BRDE Recupera Sul

Linha de capital de giro do BRDE destinada para empresas de qualquer porte com sede no RS, SC ou PR, com prioridade para aquelas que já possuem histórico com o banco. O valor máximo por operação varia de R$ 50 mil (microcrédito), R$ 200 mil (micro e pequenas empresas) até R$ 1,5 milhão (para as demais empresas), o prazo é de até 24 meses de carência e até 60 meses para pagamento. A taxa de juros é composta pela Selic somada ao spread do BRDE (média de 5%a.a resultando na taxa média de 8,75%a.a).

Lembrando que o BRDE faz financiamentos acima de R$ 700 mil, abaixo disso, opera com  parceiros como Banrisul, Cresol/Sicoob e RS Garanti. Para solicitar basta acessar diretamente o site https://www.brde.com.br/solicitar-financiamento/

Parceria Caixa e Sebrae

A Caixa e o Sebrae assinaram um convênio com objetivo de facilitar o acesso ao crédito das micro e pequenas empresas, bem como microempreendedores individuais (MEI). A parceria utiliza as linhas de crédito disponibilizadas pelo banco e as garantias complementares serão concedidas pelo Sebrae por meio do Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas (Fampe). Além disso, a entidade oferecerá aos empreendedores o crédito assistido.

Como solicitar: Primeiro é necessário assistir um vídeo de 5 minutos que o Sebrae preparou para auxiliar a decisão sobre a tomada de empréstimos. Após 48 horas, a empresa pode procurar uma agência da Caixa ou solicitar pelo site. Quem não tem conta na Caixa deve ir até a agência e abrir uma conta empresarial para ter acesso à linha especial de crédito da parceria, desde que tenha mais de 12 meses de faturamento e não haja nenhuma restrição de CPF nem de CNPJ.

PRONAMPE (PROGRAMA NACIONAL DE APOIO ÀS MICROEMPRESAS E EMPRESAS DE PEQUENO PORTE)

Apesar de ainda não estar operando, foi instituído pela Lei nº 13.999, de 18 de maio de 2020, o Programa Nacional de Apoio às Microempresa e Empresas de Pequeno Porte – Pronampe funcionará com as seguintes condições:

O que pode ser financiado: Investimento e capital de giro isolado ou associado, sendo vedada a destinação para distribuição de lucros e dividendos entre os sócios.

Quem pode solicitar: Micro e Pequenas Empresas (aquelas que auferiram receita bruta em 2019 de até R$ 4,8 milhões).

Condições: Taxa de juros: SELIC + 1,25% a.a. (4,25%a.a aproximadamente 0,35% a.m.).

Comunicado técnico emitido por FIERGS/CIERGS em 19/05/2020, para acesso ao material completo utilize o link https://bit.ly/2Mvht23

RS Garanti Associação Garantidora de Crédito

A RS Garanti é uma facilitadora para obtenção de crédito, é classificada OSCIP (ORGANIZAÇÃO CIVIL DE INTERESSE PÚBLICO), e de Utilidade Pública pelo município de Caxias do Sul/RS.

A associação, além de outros serviços, fornece a Carta de Garantia, instrumento pelo qual as micro e pequenas empresas – e também os microempreendedores – podem complementar os documentos de garantia de crédito solicitados pelas instituições financeiras. As cartas-fiança fornecidas pela RS Garanti servem para lastrear  até 80% das operações de crédito, tanto de capital de giro como de investimento.

Para mais informações acesse o site https://www.rsgaranti.org.br/.

Veja também:


Hyva do Brasil conquista certificação como Excelente Lugar Para Trabalhar
Jost Brasil recebe homenagem do SIMECS pelos seus 25 anos
SIMECS recebe candidatos à Prefeitura de Caxias do Sul
SIMECS e Fátima Saúde estabelecem novo patamar em gestão da saúde empresarial
Do Lean à Indústria 4.0
Mercopar 2020
Pix: a forma como você faz pagamentos nunca mais será a mesma
SIMECS lança Programa de Empreendedorismo Internacional
Inova Transformação em Veículos Especiais
Governador esclarece pontos da Reforma Tributária
SIMECS e Fátima Saúde firmam parceria
G.Paniz celebra quatro décadas de conquistas
Hospital Geral pretende arrecadar R$ 37 milhões em dois meses para concluir obras de ampliação
Sicredi e SIMECS: a parceria que pode potencializar o crescimento de sua empresa
BYRos Brasil empresa com Soluções para Conectividade Elétrica e de Dados para Ambientes e Mobiliário
SIMECS homenageia a Metalúrgica Buzin pela passagem de seus 50 anos.
Hyva do Brasil recebe homenagem do SIMECS por seus 25 anos
3º Fórum Sul Brasileiro de Biogás e Biometano com inscrições abertas para webinars em setembro
Levantamento mensal do SIMECS aponta aumento gradual na demanda da indústria em agosto
Juntos Somos Mais Fortes
Oportunidades disponíveis para alavancar o seu negócio
Edreaza Componentes Automotivos completa 30 anos de atividade
Hyva do Brasil celebra 25 anos
Agrale vai fabricar caminhões elétricos da tradicional marca FNM
Guia SIMECS de Sobrevivência à COVID-19: Assessorias
Guia SIMECS de Sobrevivência à COVID-19: Projetos
Máquinas de Soldagem Sumig prontas para indústria 4.0 podem ser adquiridas via financiamento no BNDES
Guia SIMECS de Sobrevivência à COVID-19: Convênios
Guia SIMECS de Sobrevivência à COVID-19: Inovação
SIMECS e Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos assinam Convenção Coletiva 2020
Guia SIMECS de Sobrevivência à COVID-19: Produção
Guia SIMECS de Sobrevivência à COVID-19: Gestão de Pessoas
Guia SIMECS de Sobrevivência à COVID-19: Finanças
Guia SIMECS de Sobrevivência à COVID-19: Marketing e Vendas
Demanda da indústria apresenta leve melhora em levantamento mensal do SIMECS
Guia SIMECS de Sobrevivência à COVID-19: Estratégia
Guia SIMECS de Sobrevivência à COVID-19: Plano de Contingência
Guia SIMECS de Sobrevivência à COVID-19: Medidas Protetivas
Guia SIMECS de Sobrevivência à COVID-19: Trabalhista
Modelo de Plano de Contingência
Guia SIMECS de Sobrevivência à COVID-19: Tributário
SIMECS recebe pauta de reivindicações do Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos
Guia SIMECS de Sobrevivência à COVID-19
SIMECS, Empresas Randon e Marcopolo entregam ventiladores pulmonares para reforçar rede hospitalar da Serra Gaúcha
Presidentes do SIMECS e Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos se encontram para discutir ações para empresas e trabalhadores
Prefeitura apresenta ofício encaminhado ao governador para entidades e sindicatos
SIMECS Com você
AÇÕES JUDICIAIS RELEVANTES
Levantamento mensal do SIMECS aponta preservação de empregos no setor
Papo com Especialistas Perspectivas econômicas frente à crise do Coronavírus
SIMECS, entidades e empresas doam 130 toneladas de alimentos para famílias caxienses durante pandemia
PRORROGAÇÃO DOS PRAZOS DE VENCIMENTO DAS PARCELAS MENSAIS DOS PARCELAMENTOS ADMINISTRADOS PELA RFB E PGFN
SIMECS apresenta novo posicionamento
SIMECS apoia a fabricação de ventiladores pulmonares
Protocolos de enfrentamento da Covid-19
Obrigações Ambientais
Randon, Marcopolo e Simecs doam cerca de R$ 3 milhões para rede de saúde de Caxias
SUBIR